AlziraVelano Unifenas
       
 
 
     
  Novembro Roxo, mês da prematuridade Para mostrar a importância deste cuidado foi instituído um mês dedicado aos prematuros
Soloni Viana 29/11/2021 - 14:38:17
Imprimir
Imprimir
Tamanho da fonte
    Diminiu Fonte  Almentar fonte
Ampliar foto
Ampliar foto
Nascer é normal, mas tem seus mistérios e complexidades. O nascimento de uma criança, momento de muita emoção e alegria, é um ato que requer mais atenção e cuidados e depende de muitos fatores, como a preparação, antes do parto, seguindo orientações e cuidados no pré-natal. O tempo de nascer sofre alterações. A gestação marcada para durar 9 meses, ou de 37 a 42 semanas, pode sofrer mudanças, ser num período menor, por muitos motivos, de acordo com a saúde da mãe e ou da criança e o parto ser antecipado. A criança que nasce antes do tempo determinado é um bebê prematuro, que precisa de muitos cuidados especiais para terminar sua formação fora do útero da mãe, dentro de uma incubadora, em uma UTI Neonatal. Os recém-nascidos prematuros precisam de cuidados especiais de uma equipe multidisciplinar especializada. Para mostrar a importância deste cuidado foi instituído um mês dedicado aos prematuros, o novembro Roxo.
Novembro é considerado o mês internacional de sensibilização para a prematuridade e o objetivo é alertar sobre o crescente número de partos prematuros, como preveni-los, e informar a respeito das consequências do nascimento antecipado para o bebe^, para sua família e para a sociedade.
A campanha do Novembro Roxo acontece durante todo o mês, mas concentra suas ações, principalmente, no dia 17, Dia Mundial da Prematuridade. O roxo é a cor símbolo da causa da prematuridade. O roxo foi escolhido por simbolizar sensibilidade e a individualidade, características que são muito peculiares aos bebês prematuros. Além disso, o roxo também significa transmutação e mudança, ou seja, a arte de transformar algo em outra forma ou substância, assim como no desenvolvimento de um bebê prematuro.
Neste ano, o foco da campanha é a separação zero entre mãe e bebê prematuro, ou seja, permitir que a mãe tenha condições de ficar ao lado do filho prematuro o maior tempo possível, acompanhando seu desenvolvimento e que o pai também tenha livre acesso a UTI Neonatal.
Neste mês estão previstas diversas ações do Novembro Roxo nos hospitais que atendem prematuros.
No Hospital Universitário Alzira Velano, a UTI Neonatal está enfeitada com balões e corações roxos, nos corredores muitos cartazes falam sobre a importância do tema e dia 17, dia dedicado aos prematuros, haverá um evento com palestras e confraternização da equipe.

O Alzira Velano é credenciado para atendimento a gestantes de alto risco e a UTI neonatal, inaugurada em 2004,presta atendimento ao recém-nascidos em diferentes situações de saúde, sendo a prematuridade a principal delas. A UTI Neonatal conta com 12 leitos, 6 leitos de tratamento intensivo e 6 leitos de tratamento semi - intensivo, atendendo bebês prematuros de Alfenas e das 24 cidades que formam a micro região de saúde, podendo receber também crianças de outras regiões de Minas, pelo SUS fácil, desde que haja vaga. O atendimento acontece por meio de equipe multidisciplinar, envolvendo médicos, enfermagem, fisioterapeutas, fonoaudióloga, e conta dom apoio de outros setores do hospital como serviço de nutrição, posto de coleta de leite materno, radiologia, laboratório, banco de sangue dentre outros, e profissionais de áreas como oftalmologia, ortopedia, cirurgia, cardiologia, otorrinolaringologia, neurocirurgia, psicologia, dentre outros. Desta forma, a UTI Neonatal do Alzira Velano consegue atender a prematuros de peso extremamente baixo, ou seja, abaixo de um quilo.

Leia outras Notícia
Ver todas as notícia
 29/11/2021  - Novembro Roxo, mês da prematuridade
 29/11/2021  - Separação Zero: pais e filhos, juntos.
 29/11/2021  - UTI neonatal: um centro de cuidado e am
 04/11/2021  - Outubro Rosa
 30/08/2021  - Alzira Velano se prepara para ser Hospi
 30/08/2021  - Alzira Velano se prepara para ser Hospi
 09/06/2021  - Outono pede cuidados com a saúde
 09/06/2021  - Novo protocolo


Voltar
 
 

Hospital Universitário Alzira Velano - R. Geraldo Freitas da Costa, 120 - Alfenas/MG - CEP: 37132-202 - Tel: (35) 3299 3500
© UNIFENAS - Todos os direitos reservados.